Recomenda-se:

Netscope

Sunday, November 2, 2014

E as mulheres preguiçosas atacam de novo.



Acompanhar os feeds de certas revistas e portais femininos pode ser um teste à paciência de quem gosta de pensar pela própria cabeça: é que a agenda feminazi, extremista e "pró beleza real" está por toda a parte, sempre pronta a apontar o dedo a mulheres que, na sua óptica, não são "reais" - leia-se, todas as que sejam mais magras, ou mais em forma, ou tenham cintura, e assim por diante. 

Raparigas e senhoras que vistam tamanhos pequenos porque nasceram assim e/ou que se esforcem minimamente para manter a silhueta... não são reais na cabeça destas pessoas invejosas, mandrionas e lambareiras que não têm mais em que pensar senão nas formas alheias.

Atenção, repito, todas as mulheres são reais e há mulheres bonitas de diferentes tamanhos e formas- mas é isso que as fanáticas da beleza "real" não querem reconhecer. Simplesmente não suportam quem é mais esguia do que elas, pronto.

 E a obsessão pelo "realismo impossível" é de tal ordem que além de implicarem com a Barbie e quererem impingir às crianças bonecas sem piada nenhuma, logo "reais", andam obcecadas com a silhueta das Princesas Disney, a ver se as fazem engordar uns quilos nos sítios errados. Julgava que mulheres adultas eram demasiado ocupadas para perderem tempo com coisas destas, mas pelos vistos enganei-me. 


Vejam a figura em que querem pôr a Ariel, a Pocahontas e companhia:




 Isto como se a cintura da Pocahontas não fosse perfeitamente razoável e ao alcance da maioria com umas boas aulas de Pilates, ou como se a Ariel e a Jasmine tivessem uma imagem mais positiva depois de umas semanas sem comer fruta, verduras e iogurtes, substituindo isso por uns belos canecos de cerveja e todas as comidas que paralisam a barriguinha. Vivá as princesas modernaças que enfardam e se entornam que nem um marmanjo, isso é que é bonito...

 Depois publicaram, como se fosse grande novidade, a "notícia" de que nos anos 30 as estrelas de Hollywood já eram alteradas por um antepassado do Photoshop:


 Não me contive que não comentasse com o que já disse aqui: que não se trata de as mulheres não serem "perfeitas que chegue", mas de as câmaras, na era do digital pior ainda, serem coisas tramadas que endurecem, alargam, acrescentam sombras e centímetros onde eles não existem: para o fotógrafo transmitir exactamente o que está a ver, ou aquilo que imaginou, pode ser necessário ajustar uma coisa ou outra. Todos os exageros são maus, já se sabe, mas fazer dos retoques o demónio é no mínimo ridículo. E houve quem concordasse comigo, dizendo que não tinha pensado nisso...é que a ideia "a beleza é ditadura" está imposta de tal maneira que já ninguém se lembra, ou atreve, a raciocinar de forma mais razoável e menos extremista...


  • Jessi  My Gosh, retouching is not so much about women not being perfect enough, it´s about cameras being tricky and sometimes not catching what the eye sees.
    Like · Reply · 24 · 9 hrs
    • Ste Rose That's actually quite an interesting suggestion that I'd not considered before, so thanks 
      Unlike · 3 · 9 hrs

Se querem pôr-se feias de propósito força, mas não andem por aí a contaminar as nossas crianças e a fazer lavagens cerebrais aos adultos. Estou como o Sherlock Holmes: WHY CAN´T PEOPLE JUST THINK???


2 comments:

A Bomboca Mais Gostosa said...

Todo este exagero já me irrita. Como tu dizes e bem, mulheres bonitas existem em todas as formas e feitios. Se acho uma mulher demasiado magra atraente? Não. Tal como há quem não ache atraente uma mulher com curvas! É a vida! E depois? Vamos ditadores e dizer que todas as mulheres têm de ser magras/gordas/com formas... etc etc? São princesas da Disney, por amor de Deus... E os olhos das bonecas? Também não são grandes demais? Ninguém tem aqueles olhos! E não é melhor colocar olhos rasgados porque a população chinesa está em maioria? Enfim, calminha.
Toda esta discussão me irrita porque essas pessoas, para além de não reconhecerem que a beleza assume todas as formas, querem pautar todos pelos seus parâmetros, quando não percebem que a verdadeira beleza advém precisamente do facto de sermos todos diferentes...

Imperatriz Sissi said...

Eu não diria melhor. Felizmente os chineses andam mais interessados em comprar marcas de luxo e em dominar a economia do que em mandar nos padrões de beleza...havia de ser bonito!

Textos relacionados:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...